Regilane da Silva

Image

REGILANE
34 ANOS
MANAUS / AM
OBREIRA BÍBLICA

PROFISSÃO / ÁREA DE FORMAÇÃO

Técnica em massoterapia.

HOBBIES E INTERESSES PESSOAIS

Navegar pelos rios do Amazonas.

LIVRO PREDILETO

Conhecer Jesus é tudo.
UM SONHO DE INFÂNCIA
Ver meu pai e mãe casados e felizes.
UM SONHO ATUAL
Ver Jesus voltar e subir com ele para o céu.

HÁ QUANTO TEMPO ESTÁ SERVINDO NA AMAZÔNIA

Desde 2017.

POR QUE ESCOLHEU A AMAZÔNIA?

É uma das melhores regiões para se evangelizar. Sou amazonense e conheço muito bem a realidade e necessidades do povo ribeirinho.

O QUE ME MOTIVA A PERMANECER NO CAMPO MISSIONÁRIO?

A vontade de ajudar e servir a esse povo tão carente e humilde é o que me motiva a permanecer no campo missionário.

CONTE ALGUMA EXPERIÊNCIA QUE TE MARCOU EM SEU TEMPO DE SERVIÇO COMO MISSIONÁRIO NA AMAZÔNIA

Ainda morava na Igreja que Navega (projeto da igreja adventista de um barco-igreja) quando fomos para a comunidade de Fazenda Braga. Em minhas visitas, conheci dona Luzanira, uma senhora já bem idosa que sempre foi muito influente na igreja católica daquela comunidade. Há alguns sábados os irmãos sempre se reuniam na sua casa para estudarem a bíblia com ela e seu esposo. Ela conheceu a verdade mas sempre tinha dúvidas sobre a igreja adventista. Passei a visitá-los e estudar a bíblia com mais frequência, mas as dúvidas só aumentavam e ela lutava constantemente e rogava ao senhor para que se a igreja fosse verdadeira e o sábado santo, que o Senhor mostrasse de alguma forma para que ela entendesse. E então, várias vezes chorando em seu quarto, dona Luzanira clamava ao Senhor pela verdade dos mandamentos e, todas as vezes que ela abria a Bíblia, ela se encontrava com um verso diferente que falava que o sábado e os mandamentos de Deus eram verdades a serem seguidas.

Os estudos já haviam sido concluídos, o batismo seria no próximo fim de semana e ela estava muito indecisa. Seu esposo conheceu a verdade mas infelizmente não quis decidir pelo batismo e o sonho dessa senhora era descer às águas batismais junto de seu esposo. No dia seguinte, acordou muito pensativa e chorando muito, pois não entendia os planos de Deus para sua vida. Ela buscava a verdade mas não estava certa o suficiente se estava cumprindo a vontade de Deus. O esposo não havia tomado uma decisão, então, clamou a Deus e disse a Ele que se realmente aquela fosse a verdade e que ela deveria fazer parte daquela igreja, o Espírito Santo mandaria alguém naquele momento na sua casa para lhe ajudar a tomar a decisão. Dessa maneira ela se batizaria, não importando se seu esposo fosse com ela ou não.

Assim que terminou sua oração, bati em sua porta e ela me contou um pouco das lutas que vinha enfrentando. Falou-me sobre sua oração e como Deus havia enviado uma missionária naquele momento para que ela entendesse o desejo do Senhor para sua vida. Naquele dia, fiquei muito emocionada em preencher a ficha de batismo da dona Luzanira. Essa foi uma experiência que me marcou muito por entender que Deus nos usa para levar esperança a quem tanto precisa. Ela foi batizada e continua orando pra que seu esposo logo tome a mesma decisão que ela fez em sua vida. O seu maior sonho é poder louvar a Deus com sua linda voz como fazia quando era líder dos corais em sua antiga igreja, mas infelizmente, por conta de um problema na tireóide está quase sem voz. mesmo assim, não perde a esperança de um dia louvar a Deus e agradecer por Ele ter lhe alcançado.

VOCÊ JÁ PENSOU EM DESISTIR E IR EMBORA DO CAMPO MISSIONÁRIO? O QUE TE FEZ PERMANECER?

Sim, várias vezes pensei em desistir. O campo missionário é um desafio muito grande que poucos conseguem permanecer firmes. Tem a distância da família, a convivência com pessoas que têm seus hábitos e culturas diferentes, os perigos pelos rios e muitas outras coisas que poderia citar. Mas o que me faz permanecer e enfrentar esses tantos desafios é saber que Deus está me usando pra ajudar alguém que está triste e sem esperança para viver. Ao longo dessa jornada, conheci muitas pessoas, fiz grandes amizades, participei de histórias de vidas transformadas, chorei com algumas delas, chorei por ter que me despedir e não saber se um dia voltaria ali, mas sou muito grata a Deus por que por meio dessa grande missão que ele me deu, a mais beneficiada fui eu mesma. Deus me colocou nesse projeto não só para ajudar a outros a se salvar, mas especialmente para salvar minha vida. Por isso louvo a Ele por tudo que vivi e ainda viverei!

SE VOCÊ FOR PENSAR EM SUA VIDA DAQUI 10 ANOS, ONDE VOCÊ GOSTARIA DE ESTAR E FAZENDO O QUÊ?

Quero estar servindo a Deus em qualquer momento e situação de minha vida!